Comerciante que vendia na internet itens não licenciados de personagens infantis indenizará dona das marcas, decide TJSP.

Fonte: TJSP